Usando o Recuva para recuperar arquivos deletados

Como recuperar arquivos deletados permanentemente do Windows
via Guia do PC de Felipe Alencar em 23/09/11
Imagine a seguinte situação: Você está deletando algumas fotos e documentos antigos de que não precisa mais e acidentalmente acaba apagando também arquivos que você ainda quer. Certo você pode ir na lixeira e restaurá-lo. Mas se você esvaziou a lixeira ou mesmo usou o comando Shift + Del e mandou o arquivo para o inferno sem escalas? Então, ao perceber que enviou o documento para o limbo sem querer, você acha que está definitivamente ferrado e não tem mais como recuperá-lo.
Temos de convir que situações como as descritas acima são relativamente comuns, não é mesmo? Então, como proceder caso você tenha deletado um arquivo importante sem querer? Será que ele está perdido para sempre ou há uma forma de recuperar? Bem, para o seu alívio, há sim uma maneira de resgatar estes arquivos perdidos. Mas temos de ser rápidos! Vamos usar um software chamado Recuva para isso.
Primeiro, obviamente, baixe o programa do site do fabricante, que no caso é a Piriform, empresa já conhecida por seus ótimos e confiáveis produtos, tais como CCleaner e Defraggler. O instalador é pequeno, pouco mais de 2 MB e o processo de instalação simples, sem segredos. Depois de instalado, execute o programa e você será auxiliado por um Assistente durante todo o processo de recuperação.



Assistente do Recuva
Ao clicar em Avançar, você terá de escolher o tipo de arquivo que quer salvar. Se são imagens, ou documentos de texto, arquivos compactados etc. Se for arquivos de extensões variadas, escolha Outros. No meu caso, selecionei Imagens, Então, clique mais uma vez em Avançar.



Escolha o tipo de documento que deseja encontrar
O próximo passo será escolher o local de busca. E aqui se encontra o pulo do gato! Você pode escolher qualquer lugar do seu computador para realizar as buscas. Pode recuperar arquivos deletados acidentalmente de seu pen drive ou cartão de memória, pode procurar em uma pasta específica, enfim… onde você desejar. No nosso exemplo irei buscar em todo o meu computador mesmo, para exemplificar o poder deste software.


Escolha um local para as buscas
A próxima tela lhe dirá que a procura poderá demorar horas se o dispositivo for muito grande e haverá a opção de habilitar a Verificação Profunda. Note, SEMPRE habilite esta opção. Sempre! Ao longo do tempo que venho usando este programa, percebi que sem a Verificação Profunda estar habilitada, o Recuva encontra pouquíssimos arquivos, até mesmo nenhum. Portanto, sempre marque esta opção antes de começar, mesmo que demore. Você já está ferrado mesmo e não tem nada a perder, então por que não fazê-lo?


Sempre habilite a Verificação Profunda
Após esperar algum tempo para que o programa termine sua verificação, você terá uma tela mais ou menos parecida com esta:



Escolha quais arquivos você quer restaurar
Os arquivos marcados como Excelente e a bolinha verde ao lado, são passíveis de recuperação. Já se houver algum arquivo marcado com uma bolinha vermelha, infelizmente ele já está todo ou parcialmente sobrescrito por outro. Por que isso acontece?
Explicando de uma forma grosseira, quando você deleta um documento, o sistema operacional não o apaga efetivamente. Ele simplesmente renomeia o arquivo. Renomeia para "Espaço livre", digamos assim. Desta forma, o Windows, ou o sistema operacional que esteja em execução, entende que aquele espaço no disco rígido está livre para gravação, mesmo havendo um arquivo lá. Assim, posteriormente ele gravará alguma coisa por cima daquele documento, que por sua vez, se perderá para sempre. Portanto, é vital a rapidez em se recuperar estes arquivos perdidos. Quanto mais tempo passar, menos chance você tem de resgatá-lo.
Agora, você não precisa mais se desesperar quando deletar acidentalmente um arquivo importante, ou dizer para seu chefe que o seu Pac-Man de estimação comeu o relatório. Basta seguir as dicas do Guia do PC!
Comento: Conheço o programa e uso sempre que preciso para esta função e nenhum outro consegue fazer  o que ele faz com tamanha competência. Recomendo!